DICAS PARA PEDALAR NO ROLO DE TREINO

O rolo de treino é um elemento essencial no treino do/a praticante de bicicleta durante o inverno. Pode ser clássico, conectado ou interativo. Como escolher um rolo de treino? Eis alguns conselhos para o/a ajudar!

meia-estação 2

O ROLO DE TREINO: A QUEM SE DESTINA?

Independente do nível de prática, o rolo de treino pode ser um aliado fantástico para alcançar os nossos objetivos. Seja a preparação de uma grande corrida ou simplesmente para mantermos a forma, quando não é possível desfrutar da bicicleta no exterior, graças ao rolo de treino a estrada pode ser a nossa sala!

como funciona um rolo de treino?

A realidade do rolo de treino é mesma para todos, vamos pedalar em casa e podemos utilizar a nossa própria bicicleta. Existem algumas diferenças (que fazem toda a diferença) que devemos ter em consideração ao escolher o nosso rolo ideal.

O rolo de treino clássico funciona com uma travagem magnética que, ao encostar no pneu da bicicleta, cria uma determinada resistência que pode ser ajustada através de um seletor fixo ao guiador da bicicleta. Quanto maior for a resistência, maior será o nosso esforço.
Vantagens: simples de usar, resistente e com uma boa relação qualidade/preço.

O rolo de treino conectado funciona com uma travagem eletromagnética, tem a particularidade de ser controlado por uma interface conectada. Isso quer dizer que podemos conectar o rolo com uma APP no nosso telemóvel, e visualizar dados como velocidade, distância, tempo, potência que ajudam a tornar o treino no rolo mais específico.
Vantagens: permite monitorizar dados e intensidade de treino.

O rolo de treino interativo para além de enviar dados de treino, também os recebe, ou seja, a resistência aumenta ou diminui de forma automática consoante as indicações da nossa APP de treino! Isso quer dizer que podemos experimentar fazer as subidas míticas da Volta a Portugal sem sair de casa! Além disso, podemos estar conectados junto com outras pessoas para pedalar em conjunto.
Vantagens: simulação realista da estrada, conectividade interativa, níveis de resistência máxima.

rolo de treino

UM ROLO INTERATIVO, VALE A PENA?

É uma questão frequente, especialmente porque o investimento entre um rolo clássico e um interativo é substancial.

- Frequência de utilização. Sejam quais forem as razões, se pretende pedalar todos os dias no rolo de treino, deve considerar uma opção interativa. Irá ajudar a manter a motivação sempre em altas graças à imersividade através das APP de treino indoor.
- Tipo de utilização. Se normalmente pedala com um grupo na estrada, é muito provavel que alguém desse grupo já tenha um rolo de treino. Se for o caso, poderá continuar a partilhar os benefícios de padalar em conjunto, mesmo quando não for possível sair para a estrada!
- Objetivos. Se pretende melhorar a sua forma física, monitorizar a intensidade do treino e comparar dados é fundamental. Um rolo interativo, para além de indicar os dados mais básicos como velocidade, distância e tempo também faz a leitura da potência e batimentos cardíacos*.

Os nossos conselhos para escolher corretamente um rolo de treino

UM ROLO interativo CLÁSSICO OU DIRECT DRIVE?

Caso tenha optado pelo treino imersivo que os rolos interativos permitem, tem ainda duas opções para escolher, um rolo clássico (que utiliza a roda traseira da bicicleta) ou um rolo com o sistema direct drive (a bicicleta fica presa diretamente no rolo, não é necessário usar a roda traseira.

COMO E A QUE DISPOSITIVOS POSSO LIGAR O ROLO DE TREINO?

A transmissão dos dados é feita através da frequência ANT+ ou Bluetooth Smart, dependendo do dispositivo que quisermos utilizar.
As APPs mais populares de requerem a conexão com o PC (permitindo o controle atrás de uma APP secundária) através da frequência ANT+, sendo nesse caso uma PEN ANT+.
Os rolos interactivos possuem sensores integrados que fazem a leitura de todos os dados de treino, desde a cadência, velocidade e potência. Para controlar a frequência cardíaca deverá incluir no seu KIT de treino uma banda cardio.

DICAS IMPORTANTES

1. Prever sempre uma tolha para proteger a bicicleta e um bidon de água para hidratar-se. Pode optar por uma rede de proteção que é também um porta-bidon  de guiador.
2. Escolhe um lugar com boa ventilação para diminuir a desidratação.
3. Simula o treino em estrada mas sem exageros. A duração de um treino no rolo será quase sempre inferior ao treino na estrada. Comece devagar e vá aumentando o tempo/intensidade à medida que estiver mais à vontade.
4. Utilize um pneu específico para o rolo de treino. Irá durar mais tempo e provocar menos ruído. Caso não seja possível, opte por um pneu liso (slick).
5. Divirta-se. O treino no rolo deve ser divertido! É o momento para sentir prazer e descontrair!

Os nossos conselhos para escolher corretamente um rolo de treino