AS DIFERENÇAS FISIOLÓGICAS ENTRE HOMENS E MULHERES NO DESPORTO

Os homens e as mulheres não são (sempre) iguais no que respeita a prática desportiva. Porquê? Quais as diferenças? Revelamos tudo!

AS DIFERENÇAS FISIOLÓGICAS ENTRE HOMENS E MULHERES NO DESPORTO



Os homens e as mulheres não são (sempre) iguais no que respeita a prática desportiva, é um facto. Mas quais as razões? Que diferenças existem entre os 2 sexos que explicam esta constatação? Revelamos tudo já de seguida!

QUAL A ORIGEM DAS DIFERENÇAS ENTRE OS HOMENS E AS MULHERES?

Comecemos pelo começo, e lembremo-nos das nossas aulas de biologia durante uns momentos.
Cada humano é constituído por milhares de milhões de células. Cada célula é constituída por um núcleo, o "cérebro" da célula. Cada núcleo é constituído por 23 pares de cromossomas, longas moléculas em forma de espiral, nos quais se encontram os genes.

Como sabes, são os genes que nos constituem e fazem de nós o que somos: grande, pequeno(a), moreno(a), louro(a), etc, E foi em 1959 que os investigadores descobriram que dos 46 cromossomas contidos em cada célula, dois determinam o sexo biológico da pessoa: os homens possuem um cromossoma Y e um cromossoma X, enquanto que as mulheres possuem dois cromossomas X.

Pois é, a diferença entre um homem e uma mulher resume-se a um pequeno cromossoma…

AS DIFERENÇAS FISIOLÓGICAS ENTRE HOMENS E MULHERES NO DESPORTO

QUAIS AS DIFERENÇAS FISIOLÓGICAS ENTRE OS HOMENS E AS MULHERES?

De acordo com o físico Ira Hammerman, os desempenhos femininos são em média 90% dos dos homens em disciplinas como o atletismo, o ciclismo, a natação, etc. Esta constatação baseia-se nomeadamente nos seguintes fatores, diferenças fisiológicas entre os 2 sexos.

> A frequência cardíaca
O coração da mulher é em geral mais pequeno que o do homem, pelo que o seu débito cardíaco é mais reduzido. Consequência: para um esforço físico semelhante, a frequência cardíaca da mulher será mais elevada (174 pulsações/min na mulher contra 169 pulsações/min no homem), pelo que o cansaço será sentido mais rapidamente.

> A massa muscular
A massa muscular representa em média 35% da massa global de um homem, contra 28% no corpo da mulher. Quanto à massa gorda, é de em média 13% no homem, contra 20% na mulher. Resultado: a mulher tem, em geral, menos força e resistência.

> O VO2max
O VO2max é a capacidade máxima de guardar, transportar e consumir oxigénio durante um esforço físico. Quanto mais elevada for, mais energia o corpo consegue produzir. Uma vez que a quantidade de hemoglobina é inferior na mulher, o VO2max médio é de 35-40 ml/min/kg, contra 45-50 ml/min/kg no homem.

> A pressão arterial
A pressão arterial é mais baixa na mulher, logo também por isso leva a que se sinta o cansaço mais depressa.

> As reservas em ferro
As reservas em ferro são mais baixas na mulher do que no homem, nomeadamente devido às menstruações. Isto leva a um transporte menos eficaz do oxigénio no sangue.

> As hormonas femininas
As hormonas femininas flutuam ao longo das diferentes fases do ciclo. Assim, do 1.º ao 13.º dia, o estradiol (estrogénio predominante nesta fase do ciclo) permite uma melhor utilização do açúcar, carburante perfeito dos músculos. E na segunda fase do ciclo, do 14.º ao 28.º dia, a progesterona toma as rédeas e permite que o corpo utilize melhor as gorduras.
Evidentemente, com este pequeno balanço rápido das principais diferenças fisiológicas, não podemos negar que os homens estão frequentemente em melhor situação física que as mulheres!

EM QUE CAMPOS AS MULHERES SÃO MAIS FORTES?

Sim, vimos que os homens estão em melhor situação que as mulheres em termos de massa muscular, potência e resistência. E sabemos agora porquê! Mas, claramente, há alguns domínios em que as mulheres estão inequivocamente à frente dos homens.

Todos os especialistas estão de acordo, por exemplo, em dizer que as mulheres têm um estado mental mais robusto, resistindo assim bem melhor ao stress e à pressão. Mesmo que por vezes seja difícil aos homens admiti-lo.

A flexibilidade é também um dos pontos fortes da mulher. É devida às hormonas femininas, que favorecem a lassidão articular e muscular. E é ainda maior a meio do ciclo ou durante a gravidez, quando a taxa de estrogénio aumenta.

Por fim, a mulher tem também um maior desenvolvimento da estratégia, ela é menos impulsiva, mais calma e tende mais a refletir antes de agir.

AS DIFERENÇAS FISIOLÓGICAS ENTRE HOMENS E MULHERES NO DESPORTO

EM QUE CAMPOS OS HOMENS SÃO MAIS FORTES?

Já abordámos a questão nos parágrafos anteriores, mas se tivéssemos de reter 3 pontos fortes dos homens face ao desporto, diríamos que beneficiam de uma musculatura mais desenvolvida, o que origina necessariamente uma potência e uma resistência superior à das mulheres!

Naturalmente, nem é necessário referir que todas estas afirmações são generalidades, logo devem ser interpretadas com precaução, cada pessoa é diferente e única, qualquer que seja o seu género!

AS DIFERENÇAS FISIOLÓGICAS ENTRE HOMENS E MULHERES NO DESPORTO
AS DIFERENÇAS FISIOLÓGICAS ENTRE HOMENS E MULHERES NO DESPORTO

QUAIS AS DIFERENÇAS DE DESEMPENHO ENTRE OS HOMENS E AS MULHERES?

Para te ajudar a teres uma ideia quanto às diferenças de desempenho desportivo entre homens e mulheres, aqui ficam alguns números. Trata-se dos recordes masculinos e femininos em várias categorias. Como irás ver, em algumas, as diferenças são mínimas. ;)

> 100 metros: Recorde masculino: 9,58 / Recorde feminino: 10,49 / Diferença: 0,91 / Desvio: 9%

> 200 metros: Recorde masculino: 19,19 / Recorde feminino: 21,34 / Diferença: 2,15 / Desvio: 10%

> 400 metros: Recorde masculino: 43,03 / Recorde feminino: 47,60 / Diferença: 4,57 / Desvio: 10%

> 1500 metros: Recorde masculino: 3:26,00 / Recorde feminino: 3:50,07 / Diferença: 24,07 / Desvio: 10% 

> 5000 metros: Recorde masculino: 12:37,35 / Recorde feminino: 14:11,15 / Diferença: 1:33 / Desvio: 11%

> Maratona: Recorde masculino: 2:00:25 / Recorde feminino: 2:15:25 / Diferença: 15:00 / Desvio: 11%

> Salto em altura: Recorde masculino: 2,45 m / Recorde feminino: 2,09 m / Diferença: 0,36 m / Desvio: 17%

> Salto em comprimento: Recorde masculino: 8,95 m / Recorde feminino: 7,52 m / Diferença: 1,43 m / Desvio: 19%

AS MULHERES CHEGARÃO DEPRESSA AO NÍVEL DOS HOMENS?

Algumas desportistas de alto nível, extremamente dotadas nas suas categorias respetivas, tentaram confrontar-se com os seus homólogos masculinos. Em vão. Porque as diferenças entre homens e mulheres existem mesmo. É impossível ignorá-las.

Mas a acreditar nos treinadores, a grande maioria das mulheres não quer alcançar os homens a qualquer preço e obter os mesmos recordes. Cada género está concentrado no seu desempenho, lo objetivo é ser o(a) melhor na sua categoria. 

Além das diferenças, cada vez mais desportistas abrem-se à mistura e à paridade. Como ocorre nas competições de atletismo, de natação ou de triatlo (estafetas). Mas também no judo e no ténis de mesa, onde encontramos atualmente equipas mistas.

AS DIFERENÇAS FISIOLÓGICAS ENTRE HOMENS E MULHERES NO DESPORTO
AS DIFERENÇAS FISIOLÓGICAS ENTRE HOMENS E MULHERES NO DESPORTO

PAULINE, REDATORA DE CONSELHOS

O que adoro mais do que tudo? Comunicar! E partilhar com quem me lê o que sei, o que sinto, e o que me parece ser importante escrever e dar a conhecer, da forma mais justa possível. E se puder dar origem a um pequeno sorriso como bónus, então ganhei tudo. :)

ESTES ARTIGOS PODEM AGRADAR-TE