Sessão das 19h30, sento-me no meu lugar na sala de cinema. A pessoa ao balcão diz-me que a natação sincronizada «é realmente um desporto impressionante! ». Aproveito para lhe perguntar « E os homens que praticam esta modalidade, o que me diz? ». A resposta é imediata « Na verdade não muda nada, hoje em dia temos de ter a mente aberta! ». Só podemos concordar com ele. Então, antes de mergulhar no grande tanque, façamos o ponto de situação sobre a natação artística masculina com a Margaux Caillier, atleta duetista nos últimos campeonatos da Europa e do Mundo em masters (duo e solo) e líder deste desporto na Decathlon. Começamos por definir esta prática desportiva.

O QUE É A NATAÇÃO SINCRONIZADA?

Ainda ouve por vezes « eu faço natação sincronizada»? É bem possível, mas desde 2017 falamos de natação artística e não de natação sincronizada. De que se trata? É um desporto que combina a natação, a ginástica e a dança. Resumindo, completo. A natação artística pratica-se a solo, em duo como a Margaux ou em equipa.

Quando passamos muitas horas dentro da piscina, por vezes tornamo-nos « viciados » no cheiro a cloro…

Parece estranho? (Não se preocupe, se não for o seu caso, existem géis de banho que retiram esse cheiro, e começam também a surgir pouco a pouco piscinas "sem cloro".) Em qualquer dos casos, o espírito de equipa é a marca desta disciplina.

Sendo antiga praticante de natação sincronizada, vou responder a uma das questões mais frequentes: Sim, ouvimos a música debaixo de água, ela é difundida através de altifalantes adaptados. O que é muito útil para nos mantermos sincronizados quer com a música quer com as nossas colegas de equipa. E, deixo-o imaginar os treinos em que cada um (a) que colocar a sua playlist...

Agora que já está mais familiarizado com este desporto, voltemos à nossa questão inicial...

natação sincronizada

PORQUE É QUE OS HOMENS PODEM PRATICAR NATAÇÃO ARTÍSTICA TAL COMO AS MULHERES?

Façamos a comparação com a patinagem artística: ver homens não nos surpreende e a diversidade serve as coreografias. Porque seria então diferente na natação artística? Apoios muito bons dentro de água, potência, criatividade, fôlego, flexibilidade... as qualidade exigidas ou desenvolvidas podem corresponder tanto a meninas como a meninos, homens ou mulheres. Aliás, tal como para todos os desportos.

Na minha equipa, não seríamos contra o facto de ter um membro masculino para nos elevar nas subidas ;).

O Yannick é nadador num clube pioneiro na natação artística masculina o “Paris Aquatique”. Quando lhe perguntamos o que diria a um jovem rapaz sobre o seu desporto, ele responde-nos:

“É muito lúdico e muito prático, todos os treinos são diferentes. Não é apenas um espetáculo, é um verdadeiro desporto.E incute valores essenciais tais como a partilha, a convivialidade, a entreajuda mas também o rigor.”

Thiago, Fabiano e Kennedy do clube Fluminense do Rio de Janeiro nadam com a Margaux, leader da natação artística na DECATHLON.

Um grande obrigado ao Fabiano, ao Thiago e ao Kennedy que aceitaram partilhar conosco a sua paixão pelo desporto no Brasil!

EXISTEM EQUIPAS MASCULINAS DE NATAÇÃO ARTÍSTICA? EXISTEM COMPETIÇÕES A TODOS OS NÍVEIS?

Apesar do clube parisiense do Yannick se ter lançado há já cerca de vinte anos, apenas recentemente este desporto se democratizou. Nos últimos 5 anos, vemos cada vez mais jovens rapazes nos clubes. Estamos a falar de cerca de 200 licenciados em 18 000. Em França, as competições tornaram-se mistas e até ao nível dos campeonatos. Relativamente às competições internacionais, por enquanto apenas o solo e o duo misto têm um lugar. Margaux Caillier chegou ao 2º lugar em duo livre nos últimos campeonatos do Mundo de natação artística, e é igualmente a líder deste desporto na DECATHLON. Para ela «os duos mistos trouxeram uma nova forma de nadar, e criam histórias espetaculares! ». Apostamos que o número crescente de licenciados e a visibilidade atuais ajudarão a fazer evoluir este assunto. Se ficou interessado(a) por este desporto damos-lhe algumas ideias para as crianças, saiba que existem em França cerca de 300 clubes*... abertos tanto a meninas como a rapazes. fonte: FFN, Federação Francesa de Natação.

Agora percebe, que quando o cinema o faz refletir sobre a diversidade no desporto, só podemos dizer bravo!

E você, já experimentou a natação artística?

Homem ou mulher, não hesite em partilhar conosco a sua opinião nos comentários.

NATAÇÃO ARTÍSTICA

Justine

Viciada em cloro (natação corrida & sincronizada), aprendiz de yoga, uns 10 km para a minha atividade #TeamDecath  

ESTES CONSELHOS PODEM-NO INTERESSAR