Quando deves inscrever o teu filho na natação para bebés?

A Nabaiji acompanha-te e responde às tuas dúvidas antes de tomares uma decisão para o teu filho bebé!

bebe na boia cadeira na natacao

Antes de dar à luz, sonhavas em inscrever-lo na natação para bebés. Mas agora que o bebé já chegou, tens dúvidas.
É perigoso? Existem riscos de infeção? Ele consegue respirar debaixo de água?
Pensámos em todas estas perguntas e damos-lhe aqui o maior número de respostas possível para ajudar a ultrapassar esta etapa.

Natação para bebés: o princípio

Antes de mais, sabes que o teu filho tem uma excelente motricidade na água, pois ele recupera rapidamente os reflexos natatório adquiridos na sua barriga. Esta experiência é excelente para melhorar a sua motricidade, a sua confiança e a sua autonomia. Além disso, é sobretudo um momento exclusivo e privilegiado entre pais e filho, longe das solicitações exteriores.

A água age como uma revelação do despertar para a iniciação da criança, da sua evolução, da sua relação com o ambiente e os seus pais, das suas angústias e da sua capacidade de as ultrapassar.

Graças à água, a criança vai poder desenvolver as suas capcidades sensoriais: gravidade, temperaturas, barulho, contacto da água na pele, cintilações…

Podes também levar uma Bóia-cadeira da Nabaiji para clocares o teu bebé confortavelmente com a cabeça fora da água, brincar com ele e fazê-lo evoluir na água.
Depois de tirar o bebé da água, enrole-o no Poncho para o aquecer e secar com toda a suavidade.

Podes iniciar as inscrições na natação para bebés depois de realizadas todas as vacinas, ou seja, entre os 3 e os 6 meses.

Conselho:
- Lembra-te de dar banho ao teu bebé e de lhe dar de comer, pelo menos, uma hora antes da sessão para evitar hipoglicemia e regurgitações durante a atividade.

Quando deve inscrever o seu filho na natação para bebés?

Como decorre uma sessão?

A água da piscina está especialmente aquecida para que o bebé e os pais não apanhem frio. Se tiverse medo de ter frio, pensámos em ti!

O Aquatop Nabaiji permite-lhe manter-se quente. Colocado ao nível dos ombros, elimina a sensação desagradável de frio que pode sentir fora da piscina. O teu filho vai assim descobrir os prazeres da água graças às pranchas, tapetes e escorregas colocados à sua disposição.

A iniciação do bebé faz-se progressivamente com o professor de natação.

A sessão está adaptada em função do seu desenvolvimento psicomotor, da sua idade e da sua experiência. O primeiro momento foca-se no contacto do seu bebé com a água. Depois de ele estar tranquilizado, pode ser deitado e, progressivamente, mergulhado debaixo de água sem deixar de ser segurado.

Para esta etapa, não te preocupes. O teu filho vai suster a respiração automaticamente logo na imersão.


Pequenos conselhos muito úteis: esforce-se ao máximo por não mostrar a sua angústia porque o bebé também a sentirá. E se ele não quiser ser mergulhado debaixo de água, não faz mal, tentará novamente da próxima vez!

Fim da sessão. então, feliz?

Depois de terminada a sessão, lembra-te de secares bem o teu bebé, sem esquecer nenhuma parte do seu pequeno corpo. 

Numa bolsa impermeável, lembra-te de levar soro fisiológico, algodão, termómetro e creme anti-irritações, bem como o teu sabonete suave habitual. 

Depois de chegar a casa, ele cairá provavelmente num sono profundo, e os pais também!

Quando deve inscrever o seu filho na natação para bebés?

Estes conselhos podem ser do teu interesse