Provavelmente conhece o provérbio: “O ataque agrada às multidões, e a defesa faz ganhar títulos”. Muito bem, nada a dizer.

Exceto que o objetivo no basquetebol é encestar mais do que a equipa adversária. Para ser bem-sucedido - tanto nos dias em que defende como nos dias em que lança uma operação desimpedida no garrafão - apresentamos-lhe dois exercícios para trabalhar o lançamento ao sair do drible.

Use dois cones, uma bola e a direção do garrafão. E sim, não encontramos nenhum exercício para fazer lançamentos ao sair do drible a partir do seu meio campo.

Para evitar as interceções e aumentar a velocidade - o que é bem prático para atacar o cesto - flita as pernas e mantenha a bola bem baixa, tanto na receção como ao driblar!

Os nossos exercícios agradam-lhe? Partilhe connosco os seus treinos de lançamento!

Atacar o cesto a driblar

No nosso primeiro exercício, propomos-lhe uma dose dupla, trabalhando simultaneamente a fixação de apoios, o arranque em drible e o lançamento após um drible. Partimos logo de pontos duplos. Ou triplos. (Está a compreender?)

Para começar, coloque dois cones na linha de três pontos, no prolongamento da linha de lances livres, um de cada lado. Neste exercício, comece por um auto-passe, vamos usar um tempo morto de 20 segundos para explicar-lhe:

Para fazer um auto-passe, lance a bola ao chão para a frente, acentuando a rotação da bola para trás (ou seja, na sua direção). A bola volta para si após o ressalto. Isto permite-lhe simular um passe picado quando não tiver um parceiro de jogo com motivação suficiente para receber os seus ressaltos e fazer o passe após 200 arremessos seguidos.

Com as costas viradas para a tabela, comece o exercício com um auto-passe para recuperar a bola atrás do cone. Primeiro passo: trabalha assim a rotação no momento de receção da bola, o que evita ouvir o apito por falta, antes mesmo do primeiro drible.

Portanto, na receção da bola faça uma rotação empenhada se utilizar o pé mais próximo da tabela para rodar ou uma rotação apagada se utilizar o pé mais distante da tabela para rodar. O melhor? É variar!

lançamento ao sair do drible

Quando estiver sólido nos apoios e nas bases, parta a driblar, contornando o cone. (se ganhar o hábito de passar com as pernas por cima do cone, terá uma surpresa no jogo quando os cones forem todos bem maiores). Pode efetuar um arranque direto, com o pé afastado do cone como o primeiro apoio, ou um arranque cruzado, com o pé próximo do cone como o primeiro apoio.

A finalidade é começar a driblar o mais rapidamente possível após a tomada de posição atrás do cone.

O terceiro passo do exercício consiste em fazer uma linha após o drible! Faça dois dribles no máximo e realize um passo duplo, ou faça apenas um drible e faça um lançamento em suspensão à entrada do garrafão.

A finalidade é variar as rotações, os arranques em drible e os lançamentos dos dois lados do cesto para proporcionar maior diversidade aos seus gestos e oferecer mais possibilidades em jogo (sabe, quando os cones são bem mais altos).

Quando estiver à vontade com o arranque em drible, pode também variar os passos duplos: lay-ups, hop-step, power lay-up, floater, lay-back.

lançamento no garrafão

Lançamento no garrafão

No segundo exercício, vai correr um pouco mais e trabalhar o drible, as mudanças de apoio e o lançamento na saída de drible.

Posicione os dois cones, um entre o garrafão e a linha de três pontos, ao nível da linha de lances livres, e o outro no meio do garrafão, entre o aro e a linha de lances livres.

Comece na linha de fundo, ao lado do garrafão.

Arranque a driblar, leve a bola ao longo do garrafão, passe o primeiro cone que desempenha o papel de defesa, dê meia-volta para entrar no topo do garrafão, pare em frente ao segundo cone e faça o lançamento.

A finalidade é ir o mais rápido possível para trabalhar as mudanças de apoio durante um drible e o lançamento em saída de drible.

Pode alternar entre um lançamento em suspensão, um floater num passo ou um floater nos dois pés.

Repita o exercício, começando desta vez do outro lado do garrafão.

Para proteger a bola das interceções insistentes dos cones, drible com a mão esquerda quando o garrafão estiver do seu lado direito, e inversamente.

Quando estiver à vontade com esta corrida em meio círculo, tente realizar este exercício mais depressa.