COMO ESCOLHER A SUA AMOSTRA FLEXÍVEL?

Existem várias formas de amostras flexíveis. Descubra, neste conselho, como escolher as suas amostras flexíveis em função do peixe pretendido.

A escolha de uma amostra flexível faz-se em função do formato e do tamanho, imitando as presas dos peixes que pretende capturar.

número 1

O tamanho

6cms.png

As amostras flexíveis inferiores a 6 cm são adaptadas à pesca de predadores de pequeno porte.

6et10cms.png

Entre 6 cm e 10 cm, as amostras são polivalentes e permitem pescar predadores de pequeno a médio porte.

10cms.png

As amostras flexíveis superiores a 10 cm são adaptadas à pesca de predadores de médio a grande porte.

número 2

Peixe

Adaptadas a todo o tipo de meio, as suas formas imitam os peixes.
Em função da forma da sua cauda, emitem vibrações diferentes. Os peixes mais ariscos são mais recetivos a amostras discretas, com poucas vibrações (finas ou curvas).

ecrevisse.png
número 3

Lagostim

Ideal para pescar predadores nas rochas ou ramos, onde normalmente se escondem os lagostins.

grenouille.png
número 4

Ideal para pescar junto a nenúfares e algas, onde vivem as rãs.

RECOMENDAMOS-LHE IGUALMENTE OS NOSSOS CONSELHOS SOBRE PESCA DE PREDADORES

VOLTAR PARA O TOPO