DESENVOLVER A COORDENAÇÃO E A MOTRICIDADE

O corpo da criança está em desenvolvimento e é essencial que a sua coordenação evolua. De facto, o esquema corporal* da criança não está completamente estabelecido e deve ser ainda reforçado.

O badminton vai fazer com que a criança trabalhe a sua motricidade em relação a um projétil. Para conseguir jogar, deve ter sempre mobilidade, estar a uma distância adequada do projétil e fazer o gesto correto para o lançar para o adversário.

O contributo de elementos externos ao seu corpo é uma mais-valia: vai tomar consciência do seu corpo e dos seus limites no espaço. Isto é parte integrante da sua aprendizagem psicomotora.

*Tomada de consciência do seu corpo e perceção deste no espaço.

CRIANÇA

DESENVOLVER OS MÚSCULOS

Além do desenvolvimento da sua coordenação, a criança vai poder trabalhar os músculos e fortalecer-se graças ao badminton. Efetivamente, este desporto é ideal para desenvolver todas as partes do corpo da criança:

1. Parte superior do corpo: batimento de bolas, rotação da bacia, reforço da região pélvica, etc.​~2. Parte inferior do corpo: acelerações, mudanças de direção, saltos, resistência, etc.

Este fortalecimento dos músculos vai permitir à criança adquirir a noção de equilíbrio, extremamente importante no seu desenvolvimento. O badminton requere constantemente o seu equilíbrio: apoios de perna esquerda, apoios de perna direita, saltos e receções, posicionamentos e reposicionamentos constantes.

DESENVOLVER A CONCENTRAÇÃO

Se há um desporto capaz de trabalhar a atenção da criança, é o badminton. 

Os projéteis lançados têm sempre trajetórias muito diferentes: um volante de badminton pode ser alongado ou em forma de sino, cruzado ou a direito.

A atenção é posta à prova na análise das trajetórias. A criança vai desenvolver uma melhor acuidade visual.

VISÃO
social

4/ UM CONTRIBUTO PSICOLÓGICO E SOCIAL INEGÁVEL.

Se o aspeto «desenvolvimento físico» é muito importante para a criança, o desenvolvimento psicológico não o é menos. Durante a prática, a criança deve recorrer a noções bastante vagas para ela mas que lhe permitirão desenvolver-se ao nível mental. O badminton pratica-se em grupo mas sempre cara a cara. A criança irá desenvolver a sua autonomia e terá de tomar decisões por si própria. Estas decisões vão desenvolver a sua autoestima e a sua autonomia. É um círculo vicioso com grande influência no desenvolvimento da criança.

Socialmente, o desporto é geralmente muito positivo. Permite estabelecer relações sociais fora do contexto escolar. As relações vão assim basear-se em aspetos diferentes: o desempenho físico, a função e o lugar num grupo, por exemplo.

O badminton é um trunfo para o bom desenvolvimento da criança. A criança pode gastar energias sem contar graças ao material adequado.

Por isso, agarrem nas raquetes!

MAIS CONSELHOS SOBRE BADMINTON