Caminhar com crianças pequenas

Logo header como escolher skis de fundo

CAMINHAR COM CRIANÇAS PEQUENAS

Caminhar com crianças pequenas
número -1

PREPARAR BEM OS ITINERÁRIOS

Tenha o cuidado de consultar com atenção o mapa e os desníveis, e até mesmo experimentar o itinerário.
Aproveite para verificar a orientação e escolha de preferência trilhos com sombra no verão – assim, a família poderá ficar num lugar fresco e as pausas serão mais agradáveis.

Tendo em conta que uma criança entre os 3 e 4 anos caminha cerca de 1 a 2 km/h (e efetua várias pausas) as estimativas dos guias topográficos não serão muito úteis, visto que indicam a duração em horas para um praticante de caminhada adulto. Calcule uma margem de segurança, para poder desfrutar da caminhada sem ter de se preocupar com a hora.

Não se esqueça de consultar as condições meteorológicas locais e cancele a caminhada caso esteja mau tempo ou demasiado frio. As crianças são muito mais sensíveis do que os adultos e a caminhada deve ser uma atividade agradável para as mesmas.
Os percursos com refúgios permitir-lhe-ão fazer pausas prolongadas abrigados.
Por último, evite os teleféricos e subidas em cabinas, que reduzem efetivamente o esforço, mas podem gerar problemas de descompressão nas crianças pequenas.

 

 

 

número 2

ENCONTRAR O RITMO CERTO

Comece por realizar passeios de curta duração e fáceis e, caso verifique que a sua criança está motivada e se adapta bem, aumente gradualmente o nível de dificuldade do percurso. De forma geral, evite altitudes demasiado altas (não recomendadas acima de 2000 m).

Seguem-se algumas indicações sobre o relevo e a quilometragem do seu passeio, a adaptar consoante as capacidades do seu filho:

0 - 18 meses: não há restrições, uma vez que quem transportar a criança irá realizar 100% do esforço. Deve ainda assim ponderar em limitar a duração das suas saídas, já que a criança precisa de se mexer e fazer pausas. Deve igualmente limitar a atitude e a exposição (ao sol ou ao frio).

18 meses - 3 anos: consoante a autonomia da criança, este último irá querer começar a efetuar parte do percurso por si só. Contudo, ficará cansado rapidamente e ainda irá precisar de fazer sestas. Sendo assim, planeie itinerários muito curtos (100-300 m de inclinação) e um meio de transporte.

4 - 7 anos: pode ainda planear passeios com 400-500 m de inclinação/  6-7 km de distância, que deverá adaptar consoante a idade e a autonomia do seu filho. 

3 razões para tomar um “banho de floresta” este fim de semana
Caminhar com crianças
número 3

PREPARAR ATIVIDADES

Se sentirem que têm uma "missão", os seus filhos aderirão ais voluntariamente à ideia de sair para caminhar.
Os postos de turismo serão os seus melhores aliados, já que muitos têm mapas com percursos de orientação acessíveis ao longo de todo o ano. Graças a estes apoios, os seus filhos terão de encontrar os marcos indicados no mapa e, assim, avançar etapa a etapa.
Se não tiver percursos de orientação no local onde vai fazer a caminhada, pode utilizar as marcas identificadas ao longo dos caminhos. Este tipo de atividade ensina a criança a orientar-se no espaço. Torna-se assim num guia da vossa caminhada!
Para os mais pequenos, pode preparar uma lista simples de coisas a encontrar ao longo da caminhada, será como uma caça ao tesouro: paus desta ou daquela forma, pedras mais ou menos escuras, pinhas, cortiça, flores, folhas de determinadas espécies, etc. Dê largas à sua criatividade e deixe que eles enriqueçam a lista para as vezes seguintes! 

símbolo importante

IMPORTANTE!

Recomenda-se que as crianças não carreguem mais do que 10 % do seu peso (contra 25 % no adulto).

Para estar bem equipado:

DESCUBRA OS NOSSOS MELHORES CONSELHOS

Conselhos
Como vestir uma criança que levar consigo numa caminhada - teaser
Se o levar num lenço ou marsupial, o bebé fica junto ao seu corpo, fica protegido do vento e o porta-bebé forma já quase uma "camada" de roupa. Deixe-o então de body ou t-shirt de tecido leve e respirável. Lembre-se sobretudo de tapar o corpo ao máximo (braços, pernas, peito dos pés…) para o proteger do sol; já para não falar dos itens obrigatórios: chapéu e óculos de sol!

MARGAUX

AUTORA CONSELHOS CAMINHADA NA NATUREZA
VOLTAR PARA O TOPO