AS VANTAGENS dO FUTSAL PARA O DESENVOLVIMENTO da CRIANÇA

O teu filho quer começar a praticar futsal, mas tens dúvidas se ele irá adaptar-se bem a esta modalidade? 
Em termos de intensidade, o futsal é um desporto que tem tudo para não desiludir! 
Tendo em conta que exige um alto nível de dinamismo, ritmo e cardio, contribui para melhorar as qualidades atléticas e as capacidades cardiovasculares da criança.

Que vantagens tem o futsal para o desenvolvimento da sua criança?
Que vantagens tem o futsal para o desenvolvimento da sua criança?

TÉCNICA E INTELIGÊNCIA DE JOGO 

A primeira coisa que aprendemos no futsal é o controlo, o passe e a movimentação em campo. O jogador deverá fazer uma desmarcação suplementar depois de passar a bola, deverá ainda procurar posicionar-se para combinações de passe ao primeiro toque para libertar espaços, um pouco como no basquetebol ou no andebol. Não poderá esconder-se, não poderá contentar-se a andar, porque no futsal isso é logo percetível e tem logicamente um impacto no jogo de equipa.

Em termos organizacionais, podemos identificar várias táticas ou estilos de jogo no futsal:

> o 1-2-1 (o mais frequente)

> o 2-2

> o 3-1

> o 4-0

Os jogadores de futsal começam a trabalhar taticamente desde muito cedo, ao passo que no futebol de 11, regra geral, a tática só começa a ser trabalhada a partir dos 12-13 anos.

No futsal, assim que uma criança começa a jogar em competição, ou seja, aos 6-7 anos, aprende e começa a dominar os sistemas de jogo. Isso é, aliás, indispensável para desenvolver a inteligência de jogo. Os jogadores de futsal trabalham mais com a cabeça; o trabalho tático, defensivo e ofensivo é fundamental.

O campo tem dimensões tão reduzidas que os obriga a ultrapassar a sua simples missão em termos de posição. Devem trabalhar para os seus companheiros de equipa e serem polivalentes.

Resumindo, não existem marcações individuais no futsal, uma vez que o campo é 4 vezes mais pequeno que um campo de futebol de 11.

O GUARDA-REDES DE FUTSAL: ELEMENTO-CHAVE  

No futsal, uma criança toca a bola em cada 4 segundos, logo, será muito mais ativa do que no futebol de 11.

No caso do guarda-redes, essa diferença é mais notória ainda, porque no futebol de 11, se jogar numa boa equipa, poderá nem sequer tocar na bola. O campo demora mais tempo a percorrer e tocará na bola de x em x tempo. Isso poderá ser frustrante, sobretudo para as crianças que se iniciam num desporto. Elas querem acima de tudo divertir-se e interagir com os outros membros da equipa.

 

Um guarda-redes de futsal participa deste modo muito mais no jogo do que um guarda-redes de futebol de 11. Recorre muito ao jogo de pé para distribuir a bola e deve, por isso, possuir um bom domínio técnico. Se tiver um bom jogo de pés, será um trunfo importante e poderá representar 50% do sucesso da sua equipa.

Técnica e taticamente, desempenha um papel importante. É nomeadamente o caso quando a equipa resolve atacar um power play: o guarda-redes avança para o ataque ao lado dos outros jogadores, assumindo a posição de "guarda-redes volante".

A capacidade mental é também muito importante para o guarda-redes de futsal. Muitos guarda-redes são capitães de equipa. Devem falar e orientar os seus companheiros de equipa, que são só 4 no futsal. Os seus conselhos e recomendações durante o jogo são determinantes. Se tivermos em conta as várias missões que desempenha, podemos afirmar que representa incontestavelmente o elemento-chave do jogo.

 

Que vantagens tem o futsal para o desenvolvimento da sua criança?

INFORMAÇÃO ADICIONAL:

As crianças que já praticaram futebol de 11 terão mais facilidade, uma vez que já terão um certo domínio técnico e automatismos a nível tático, com uma visão de jogo mais apurada. Saiba que a inteligência de jogo é um aspeto que se trabalha e aperfeiçoa, pelo que é possível desenvolver nas crianças essa capacidade se já praticaram futebol.

O futsal pode devolver a motivação à sua criança se esta não tiver sido aceite num clube de futebol de 11 devido à sua pequena estatura. Pode ser o caso, nomeadamente, dos jovens guarda-redes. Resumindo, uma criança franzina terá mais hipóteses de sucesso no futsal.

Que vantagens tem o futsal para o desenvolvimento da sua criança?

Adriano GRECO

jogador da equipa SQUADRA MOUSCRON FUTSAL, parceiro técnico da KIPSTA:

"Criei num espírito familiar o clube Squadra Mouscron Futsal, que a KIPSTA patrocina com equipamentos. Sou também diretor desportivo, jogador e capitão da equipa principal e diretor da escola infantil.

Comecei a praticar futsal aos 16 anos, depois de uma longa formação no futebol de 11, primeiro no LOSC durante 7 anos e depois no Mouscron durante 5 anos. O meu objetivo era tornar-me profissional, mas depois de uma lesão aos 15 anos, decidi regressar e dedicar-me ao futsal, deixando o futebol de 11 para os momentos de lazer. Fiz, deste modo, o percurso inverso ao da maioria dos futebolistas!

Jogava futebol de 11 aos domingos na 6.ª divisão da Bélgica, uma fase que durou 4 épocas. Como as minhas estatísticas como marcador eram boas, acabei por passar para profissional de futebol de 11 aos 25 anos de idade.

Aos 28 anos, fui transferido para o Mouscron e tive de optar entre futebol de 11 e futsal. Optei então para o futsal.

Tenho como recorde o facto de ter jogado em todas as divisões belgas com o mesmo clube, o Squadra, desde a 6.ª divisão até à primeira divisão."

ESTES CONSELHOS PODERÃO INTERESSAR-LHE