COMO PRATICAR CORRIDA CONECTADO?

COMO PRATICAR CORRIDA CONECTADO?

A prática da corrida é acompanhada e alimentada cada vez mais massivamente por acessórios tecnológicos para medir os dados essenciais de um treino. Tempo de exercício, distância percorrida, frequência cardíaca, velocidade média: a corrida, versão 2016, não deixa (quase nada) ao acaso…

número 1

O ENTUSIASMO DA CORRIDA LIGADA ONLINE

No espaço de uma década, muitos praticantes de corrida desenvolveram o hábito de treinar com seus telemóveis. Gostaria de manter-se em contacto com os seus entes queridos ou precisa de segurança? Sem dúvida, um pouco das duas coisas. Um estudo recente descobriu que 41% das mulheres e homens que praticam a corrida passaram a levar os seus smartphones consigo.

Ainda mais espetacular: 54% dos praticantes de corrida evoluem com um relógio GPS de pulso, um número que atesta a adoção maciça de um acessório tecnológico relativamente recente e cujas funcionalidades evoluíram consideravelmente nos últimos anos.

número 2

APRENDER A PRATICAR CORRIDA COM INTELIGÊNCIA

Basta debater o assunto com os praticantes de corrida cuja prática desportiva se estende por várias décadas para compreender o progresso alcançado. Segundo Dominique Chauvelier, lenda da maratona francesa e criador do conceito de "lebre": "Antigamente, treinávamos com um simples cronómetro. E também aqui, nem sempre! Nunca esteve em causa a VMA (velocidade aeróbia máxima) nem de FCM (frequência cardíaca máxima)...

 

Os tempos mudaram. A partir de agora, o praticante de corrida leva consigo, através de um simples relógio GPS, uma ferramenta capaz de fornecer informações sobre múltiplos parâmetros. Mais divertidas e melhor calibradas, as técnicas de treino tornam-se sem dúvida mais "científicas". Mas, acima de tudo, garantem uma evolução mais controlada.

 

Alguns conselhos:

- Usar a imaginação. A tecnologia permite multiplicar ao infinito, ou quase, o número de sessões de treino. Cuidado, no entanto, para respeitar uma verdadeira progressividade na distância e na intensidade do exercício. Assegurar igualmente o cumprimento das fases de recuperação: durante uma sessão, bem como na alternância essencial entre exercícios sustentados e moderados. Embora seja uma evidência que nunca é de mais relembrar, é importante respeitar as zonas de esforço programadas quando se usa um relógio cardio.

- Evitar que o relógio GPS assuma o controlo. É preferível seguir escrupulosamente um plano de treino validado em função do seu nível inicial e objetivo. Ou seja, não acumular quilómetros desnecessariamente nem alterar o tempo programado com o único "prazer" de bater recordes no histórico do seu relógio GPS.

número 3

SEM FICAR REFÉM DA TECNOLOGIA

O desejo legítimo de medir a realidade de um esforço de forma mais objetiva e de manter um registo para analisar os progressos realizados não deve transformar-se numa obsessão. Correndo o risco, se for o caso, de perder pelo caminho o prazer de correr... Algumas sugestões: - Relativizar,quer sejam positivos ou negativos, os dados registados no final de uma sessão de treino. A gestão equilibrada de uma época de corrida (baseada numa melhor aprendizagem da prática desportiva) organiza-se em torno de momentos fortes e fracos. Em termos concretos, existem dias em que as pernas e até mesmo o cardio funcionam melhor do que noutros. Por esse motivo, não se deixe levar pela euforia ou afundar no catastrofismo.... - Realizar pelo menos uma corrida por semana sem um relógio GPS ou qualquer outro acessório eletrónico (leitor de mp3 e smartphone incluídos). Tendo com única ambição a prática da corrida pelas sensações deixando o corpo guiar-se pelo seu ambiente.   Muitos praticantes de corrida garantem não conseguir correr de todo sem o seu leitor mp3. Outros consideram que ouvir música quebra a ligação entre o corpo e o cérebro. No entanto, de acordo com alguns estudos, a noção de esforço é mais tolerável quando um impulso musical define o ritmo. Apenas uma reserva: convém não colocar o volume demasiado alto para poder aperceber-se permanentemente da iminência de um possível perigo...

DESCUBRA A NOSSA SELEÇÃO DE CONSELHOS

Conselhos
Descubra o trail, a corrida na natureza
A corrida na natureza e o trail têm ganho inúmeros adeptos! São novos tipos de corrida que atraem um número cada maior de praticantes de nível principiante ou intermédio.
Conselhos
como descer bem em trail
Descer representa, provavelmente, o esforço mais difícil no trail. Existem no entanto algumas técnicas para progredir a esse nível.
Conselhos
É importante ter calçado adequado para praticar trail tranquilamente, veja os nossos conselhos para ajudá-lo a escolher o calçado de trail mais adequado para si.
VOLTAR PARA O TOPO