apto

COMO ESCOLHER AS PROVAS EM TRIATLO?

Todos praticamos triatlo por uma boa razão e, para a maioria de nós, participar em provas é a ocasião de se desafiar, de marcar um ritmo aos treinos e à temporada de triatlo. Para desfrutar ao máximo, a escolha das corridas é importante, e deve considerar vários fatores. Vamos lá, descubramos em conjunto os elementos que o irão auxiliar a escolher as provas certas no triatlo!

1. QUAL O SEU NÍVEL DE PRÁTICA?

Se se está a iniciar no triatlo, este ano deve concentrar-se em 1 ou 2 objetivos principais. Deve primeiro situar-se, treinar-se em cada um dos três desportos e trabalhar as transições, para estar pronto na sua primeira prova.

Para os praticantes de nível intermédio, mais habituados a encadear os treinos e as provas, o seu corpo poderá absorver um volume de treino mais significativo. Poderá assim concentrar-se em 2 ou 3 objetivos ao longo do ano e intercalar a sua preparação com provas de preparação mais curtas. Por exemplo.um ou dois triatlos mais curtos, duatlos, trails, corridas em estrada, ciclodesportivas ou swim and run para variar os prazeres.

O meu conselho para se organizar bem:

Em função das suas capacidades e experiência desportiva, cada pessoa tem uma capacidade diferente em encadear as provas. Iremos concentrar-nos no praticante de nível iniciado ou intermédio. No início da temporada, temos frequentemente tendência em participar em alguns duatlos. Proponho que programe um ou dois duatlos no início da temporada. Isto dar-lhe-á objetivos para trabalhar a velocidade. Em seguida, pode programar um formato S e contar com 8 semanas de preparação específica para este objetivo. Se continuar no formato S, penso que 3 triatlos serão um bom objetivo. Paralelamente, pode participar em algumas corridas ou swim and run. Em seguida, se desejar encadear um formato M, conte idealmente com 2 meses de recuperação entre as 2 prova. Isto irá permitir-lhe recuperar e, simultaneamente, preparar-se especificamente para este novo objetivo.

2. QUANTO TEMPO TEM PARA SE TREINAR?

De uma forma geral, quanto mais longo for o formato da prova, mais frequentes e longos serão os treinos. Naturalmente que um triatleta de bom nível especializado nos formatos curtos terá volumes de treino importantes, mas, em geral, quanto mais quiser aumentar as distâncias, mais tempo precisará de dedicar à sua preparação. É sensato considerar todos os parâmetros para determinar o tempo disponível. Precisa de confirmar, nomeadamente, se a sua vida familiar e a sua vida profissional lhe permitem preparar-se para o formato desejado e no período escolhido.

run

3. QUE FORMATO DE PROVA IRÁ ESCOLHER?

Como é claro, o seu nível irá condicionar a escolha do formato em que se irá inscrever. Os triatletas de nível principiante irão preferencialmente optar por formatos curtos, XS e S. Os desportistas com um nível mais intermédio ou habituados a esforços mais longos poderão experimentar o formato M. Por fim, os triatletas de nível intermédio poderão optar pelo formato que lhes convém, com um aspeto explosivo e privilegiando a velocidade nos formatos XS, S e M, ou um formato privilegiando a resistência nos formatos L ou XXL.

4. QUAIS SÃO AS SUAS MOTIVAÇÕES?

Deve construir o seu calendário considerando as suas motivações a curto, médio e longo prazo. Imagine que dentro de 2 anos planeia fazer um formato L ou XXL. Deve organizar o seu tempo com base nisto e construir um calendário com um objetivo a 2 anos.

Se, em contrapartida, a sua motivação é terminar o seu primeiro triatlo, irá colocar este objetivo no fim de alguns meses de prática, para se preparar e ter sucesso neste desafio!

5. VAI SOZINHO OU EM GRUPO?

O triatlo é um desporto individual, mas em grupo é melhor!

No dia da corrida, estamos sozinhos contra nós próprios, mas participar numa prova com amigos ou colegas do clube é importante, por várias razões. Num primeiro tempo, há a preparação da corrida: será mais fácil encontrar companheiros de treino se forem vários a preparar-se. Em seguida, será mais fácil organizar a deslocação, e mais divertido. Algumas deslocações podem ser importantes, e é também a ocasião de partilhar alguns dias de férias entre amigos. Finalmente, a partilha depois da corrida é sempre um momento importante para os corredores.

Por fim, alguns conselhos para o ajudar na sua escolha:

bike

- RESPEITE BEM UM TEMPO DE REPOUSO ENTE CADA PROVA, PARA OTIMIZAR O SEU DESEMPENHO

Pode rapidamente retomar o ritmo do treino e encadeamentos ente as provas de formatos curtos. Pelo contrário, irá precisar de repousar entre as provas de formatos mais longos. Uma pessoa que prepara um triatlo L pode efetuar um triatlo M algumas semanas antes da sua prova. Se desejar encadear dois formatos L, será bom deixar um período de pelo menos 2 meses entre os 2 triatlos.

Para um formato XXL, seria bom efetuar um L até 6 semanas antes; para o encadeamento de 2 triatlos XXL, faça no máximo 2 durante o ano. Uma vez mais, cada indivíduo e diferente e tem uma capacidade diferente em termos de encadeamentos. Não se esqueça que é importante gerir o seu esforço ao longo de toda a temporada.

Para otimizar o seu desempenho, deve trabalhar por ciclo, com ciclos de preparação geral, ciclos mais específicos e fases de afinamento e de repouso entre cada objetivo. Não podemos ser eficazes ao longo de todo o ano, logo é necessário gerir os picos de forma.

- GASTE TEMPO NO INÍCIO DA TEMPORADA PARA SE ORGANIZAR E COORDENAR TREINOS, VIDA PROFISSIONAL E VIDA PESSOAL

Isto é importante para definir o seu calendário. Com base nestes pontos, deve fazer uma listagem dos seus constrangimentos ao longo da preparação. Não será oportuno decidir fazer um formato L se souber que profissionalmente o seu tempo estará sobrecarregado nos 2 meses anteriores! Observe o calendário, anote as provas que lhe interessam, discuta com os seus amigos, decida e inscreva-se. As inscrições nas provas são por vezes feitas muito cedo na temporada, e algumas provas são verdadeiramente tomadas de assalto! Ao determinar os seus objetivos, lembre-se de privilegiar tempos de repouso e de manter um equilíbrio a sua vida!

 

Uma última coisa, não se esqueça que é você que decide as suas provas, compete-lhe a si fazer tudo para que alcance os seus objetivos. Pode por vezes acontecer que se pergunte porque terá decidido meter-se nesta aventura. Nesses momentos, lembre-se do que lhe estava no seu coração há algumas semanas ou alguns meses. Gosto de me lembrar que não é só a chegada que conta, mas sobretudo o caminho. Tenha prazer ao longo de todo o ano!

bik

CHRYSTÈLE

Pratico triatlo há 10 anos. Depois de ter corrido nos diferentes formatos, do XS ao XXL, prefiro atualmente o formato L. As duas disciplinas nas quais me sinto mais à vontade são o ciclismo e a corrida, com uma preferência pela corrida.

Sou particularmente adepta das provas com desnível. Adoro o triatlo porque é um desporto completo que agrupa numerosos valores que partilho.

VOLTAR PARA O TOPO